• danieldecastromidi

De olho na CLDF, Daniel de Castro deixa Administração de Vicente Pires

Lei obriga que ele deixe cargo para disputar eleições; ex-gestor teve 11.510 votos em 2018 e ficou como suplente do deputado Iolando




A administração regional de Vicente Pires, no Distrito Federal, passou para um novo comando nesta sexta-feira (25). Daniel de Castro Sousa deixa o posto indicando seu sucessor. Daniel deixa a gestão para concorrer ao cargo de deputado distrital. A mudança foi publicada no Diário Oficial do DF.

Ocupantes de diversos cargos e funções dentro da administração pública, como a gestão regional no DF, e que desejam disputar as eleições deste ano têm até 2 de abril próximo para sair de seus postos. Após esse prazo, eles são considerados inelegíveis pela Justiça Eleitoral. O agora ex-administrador é suplente do deputado Iolando (eleito pelo PSC, que se filiou ao MDB no começo de março) e chegou a assumir como distrital por um mês, entre setembro e outubro de 2019. Durante o período, o parlamentar eleito se licenciou do cargo para chefiar a Secretaria da Pessoa com Deficiência, no governo de Ibaneis Rocha.

Daniel, que é advogado, pastor e teólogo, retornou à administração de Vicente Pires logo após o retorno do titular da cadeira à Câmara Legislativa do DF. Nas eleições de 2018, ele obteve 11.510 votos e foi o segundo mais votado do PSC.

0 visualização0 comentário